Katmandu

34 comments


Katmandu é a capital do Nepal e uma das cidades com maior densidade demográfica do mundo, com 13 mil habitantes por km2!! Só para se ter uma noção, isso é 100 vezes mais que São Paulo, um verdadeiro caos! Para piorar, a cidade que já é pequena, está envolta por montanhas altíssimas. Resultado: é gente "saindo pelo ladrão!". Pela foto acima, nem parece, né?!

Entretanto, como qualquer cidade asiática, Katmandu também preserva seus momentos de paz, sobretudo, próximo aos templos. Abaixo, um overview sobre a Stupa Swayambhunath, recanto budista em meio às colinas do vale de Katmandu.



Também pela interessante Durbar Square, construída entre os séculos XV e XVIII e tombada pela Unesco como Patrimônico Cultural da Humanidade. Vizinha ao Palácio Real e a casa da deusa-menina Kumari, as ruas e o comércio permeiam os templos, tão ricos em entalhes de madeira:
Entalhe dos deuses Shiva e Parvati - Repare na mãozinha "boba"

A Kumari Devi é uma menina adorada como deusa-viva pelo povo nepalês e escolhida sob rigorosa análise de um astrólogo oficial. Sua divindade chega ao fim com a chegada da sua puberdade, quando perde-se a pureza de criança e dá início a procura de outra substituta. Enquanto Kumari, a garota  tem uma vida cheia de riqueza, ostentação e também privações, como não pisar no chão (é preciso ser carregada todo o tempo) e não receber raios de sol. Quando abandona a "carreira", encara a eterna solidão, gerada pela lenda que diz que maridos de ex-kumaris tem vida curta. Além disso, ao deixar o palácio, a kumari não pode levar qualquer riqueza que tenha sido sua um dia. Sai de mãos e alma vazia...

Por pouco não fui convocada no Palácio: já estava de uniforme! rs

Deixando o sossego de lado, Katmandu volta a ser a explosiva e caótica cidade, cheia de cor e movimento. 

34 comentários:

Camila disse...

Nossa, Fê, nem parece que os templos (lindos!) estão dentro de uma cidade tão caótica. Ainda bem que há esses pontos de refúgio!

Fiquei impressionado com a história das kumaris. Que sina mais triste! :(

Matheus Vieira disse...

Realmente impressionante essa coisa das Kumari, é uma civilização tão diferente da ocidental! Adorei o post, tá ótimo ;)
Espero pelo próximo!

Eduardo Trindade disse...

Teu blogue é um encanto, moça! Parabéns pelas viagens, imagens e palavras!
Abraços!

Fê Costta disse...

Ei Camila!

Os templos são mesmo boitos, mas o da próximas cidades são ainda mais! Confira nos posts à seguir!

Pois, acho que no contrato da Kumari deveria incluir uma terapia eterna. Imagina só uma criança sendo endeusada e abrindo mão da sua infância, tendo tanta riqueza, tanta pujança e depois, perdendo tudo e ficando só! Precisa mesmo de terapia para o resto da vida!

Ah, e o pior de tudo: quem decide submeter a criança à este destino são os pais! Ela não pode expressar quaquer objeção. E mesmo que pudesse, o que diria uma criança de 5 anos diante da escolha do seu próprio destino?!

Poor girls...

Bjs

Fê Costta disse...

Olá Matheus!

Muito diferente mesmo da nossa! Enquanto nós ocidentais condenamos tal procedimento, os nepaleses acham uma benção poder ter gerado uma filha Kumari...

Sds,

Fê Costta disse...

Olá Eduardo!

Obrigada por viajar conosco!

Sds,

Brenda Tavares disse...

As fotos estão lindas, em especial a da criança, amei!

Fê Costta disse...

Oi Brenda!

Obrigada! ;))

Bjos!

Laura Prospero disse...

Primeira visita no seu blog e estou encantada. Suas fotos dao vontade de sair pelo mundo !Gostei muito e voltarei sempre.
Abraços

Fê Costta disse...

Olá Laura!!

Que legal que gostou! Volte sempre! :))

Bjo grande!

Tozé Franco disse...

Olá Fê Costa.
Belíssimas viagens, belíssimas fotos e excelentes textos.
Um abraço.

Fê Costta disse...

Olá Tozé!

Obrigada por prestigiar sempre!

Aquele abraço!

Clarice disse...

Conheci seu blog através do site do Riq Freire. Já aproveitei suas dicas para a Turquia. Achei muita graça dos comentários que vc, CarlaZ e Dri Miller fizeram do hotel onde ficaram em Istambul. Poderia me mandar um e-mail de como foi seu deslocamento para Petra? Obrigada

Clarice disse...

Conheci seu blog através do site do Riq Freire. Já aproveitei muito as informações sobre a Turquia. Outro lugar da viagem que planejo é Petra. Como você fez seu deslocamento até lá? Só tenho tempo para one day tour. Agradeço sua atenção.

Dentro da Bota disse...

Lindas fotos!!!
Parabens pelo blog....

Gi, Roma

Fê Costta disse...

Olá Clarice!

Na Jordânia eu combinei com um motorista e ele ficou conosco os 2 dias que passamos lá. Nosso roteiro ficou assim:

1o dia: Madaba, Monte Nebo, Jericó & Mar Morto
2o dia: Petra

E ele nos cobrou 230 JD para tudo, inclusive o aiprot pick up & drop of.

Ele faz o passeio que vc quiser, pode te pegar no aeroporto, levar em Petra e depois de deixar lá de volta, conforme a preferência do cliente. Anota o contato dele aí: Mr. Sabbah - email: info@taxi-services.org - celular:00962 795532753

Depois me conta se gostou!
Se quiser mais informações, é só falar! E me manda o seu email para eu poder te encaminhar outras dicas.

Bjos

Fê Costta disse...

Ei Gi!

Quanto tempo! Obrigada pela visitinha! Também estou sumida aí do seu espaço, né? Qualquer hora apareço!...

Bjs

Claudia Liechavicius disse...

Eta Fê! Você não para mais...
Só viagens interessantíssimas.
Os templos são maravilhosos. Que espetáculo!!!!!
Bj

Clarice disse...

Fê, brigadão pelas dicas. Já fechei as passagens aéreas. Você contratou guia para Petra?
bjs, Cla
1gaucha1arrobagmail.com

Fê Costta disse...

Olá Clarice!

Te mandei um email com as fotos, depois me diz se recebeu. Eu não contratei guia em Petra porque me disseram que eles fazem o percuso em apenas 3 horas, pois não dão tempo ao turista de curtir o local, de tirar fotos, etc, já que querem voltar e pegar outro turista. Nós ficamos 10 horas lá e aproveitamos até!


Se vc quiser muito ir com um guia, combina com ele de ser mais relax...

E aí, quando vc vai? Já olhou os hotéis?

Dri Miller disse...

To amando as fotos do Nepal Fe!!
Morro de vontade de conhecer, e o marido quer ir escalar alguma coisa... entao quem sabe lah pro final do ano... se eu sobreviver escalar o Kilimanjaro em Setembro, me animo de fazer uns trekkings no Nepal tambem!
Bjs
Dri Miller

Fê Costta disse...

Ei Dri!!

Tá aí um dos poucos lugares que vc ainda não foi, né?! Reserva a passagem e manda brasa! Vcs vão adorar!

Que bom, vou curtir suas dicas de novo!! :) Também estamos querendo ir para o Kênya este ano, no finalzinho... vamos ver se dá certo! Tô acompanhando todas as dicas de Israel, fiquei chocada com o estress do carimbo... pensei que fosse bem mais fácil eles fazerem numa folha separado. Confesso que fiquei com medo... se não mem liberarem não volto para minha casa nunca mais! :( rsr

Bjo grande!

Clarice disse...

Recebi suas fotos, estão fantásticas. Quanto ao guia, vou dispensar. Pretendo ficar no Mövenpick, só que eles não deram retorno quanto ao transfer ida e volta no Queen Alia. Vamos ver. Chego em Amã em 05 SET às 16:40 e retorno 07 SET 11:20. Fê, li no site do aeroporto Queen Alia que é possível fazer o visto de entrada no próprio local da imigração. Qual foi sua experiência?
bjs, Clarice

Fê Costta disse...

Oi Clarice!

O visto é tranquilo, vc consegue na entrada. São super simpáticos! Se não me engano, o valor é USD 15.

Bjs!

Arthur disse...

Realmente, não é uma boa ser escolhida como kumari. Ganha tudo e depois perde tudo e mais um pouco, pois ainda fica marcada pelo resto da vida. Caso para 25 1/2 anos de análise...

Fê Costta disse...

Pois é Arthur... Acho que a melhor saída para a Kumari é arrumar um marido bem velho, assim, ele não vai ter mais tanto medo da morte como os demais... rs

Sds

Katia Bonfadini disse...

Fê, muito prazer!!!!! Amei conhecer seu blog!!!! Que viagens fantásticas, que fotos liiindas! Eu também amo viajar e acabei de fazer um post sobre Cesky Krumlov, que está aqui: http://casosecoisasdabonfa.blogspot.com/2010/05/cesky-krumlov-uma-pequena-joia-no.html

Me chamo Katia, sou designer e ilustradora e meu blog é sobre um pouco de tudo, inclusive viagens. Você ganhou uma fã e seguidora!!! Seu relato é ótimo e completo! Ah, vi que também foi ao Egito! Estive lá em dezembro e adorei! Bjs!

Fê Costta disse...

Olá Kátia!

Muito prazer e obrigada pela visitinha! Vou lá conferir o post sobre Cesky Krumlov... aquela cidade é linda, não é verdade?

Bjs

Flávia disse...

Fê,
Andei vidrada no seu blog nas últimas semanas pois estou planejando uma viagem para Turquia em agosto e suas dicas já me ajudaram muito. Mas queria saber se profissionalmente vc trabalha como operadora, ou se monta roteiros. Sei que não estou comentando isso no local apropriado, afinal esse post é de Katmandu, mas não tinha um e-mail de contato. Meu contato é flavia@marrara.net. Se vc puder me ajudar ficaria muito grata. Abs

Fê Costta disse...

Olá Kátia!!

Apesar de turismóloga, não trabalho com turismo profissionalmente não. Mas se precisar de alguma dica, é só falar! Anota meu email aí: fecostta@hotmail.com

Bjos!

Luffi disse...

Oi tudo bem? já faz muito tempo que não venho visitar o seu blog ver se arranjo tempo para ler tudinho mas as fotos estão de mais. Sabe onde tou indo?? Egiptoo não resisti a tentação de uma viagem super barata. continue e passa no meu tb

Manu disse...


Se vc for passar aqui pela Coreia me avise!! Vai ser ótimo encontrar e trocar várias figurinhas sobre os lugares que fomos...
Esse ano ainda irei para Malásia e Tailândia, caso vc tenha planos de ir lá (apesar de já ter visto aqui que vc foi) a gente se encontra, seria legal!!

Bjocas

Fê Costta disse...

Oi Luffi, que lega, vc vai amar o Egito!!

Boa viagem!

Fê Costta disse...

Oi Manu!!

No dia que eu for para a Coréia, claro que vou encher vc de perguntas! rs A Tailândia é o máximo, amei aquela terra!!

Vc vai até Pukhet também? Lá
e um sonho!! :)

Bjos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...