Letônia - Sigulda

15 comments
Às sete da manhã o trem deixa a estação de Riga, na Letônia. O outono mal começou no norte da Europa e uma fina camada de gelo já se forma sobre os trilhos. No caminho, as paisagens se alternam entre vilarejos e florestas até que uma hora depois se avista a cidade de Sigulda, considerada a "Suíça" do Báltico.


A bucólica Sigulda tem 15 mil habitantes e talvez 1 milhão de Pinhos de Riga. É a maior concentração desta espécie, que por ser valorizadíssima no meio decorativo, transformou a região em área protegida sob o título de parque nacional. Tanta árvore concentrada e ainda, em meio a rios, lagos, castelos, ruínas, igrejas medievais só poderia criar um cenário perfeito para trekking. E é isso que Sigulda oferece: trekking em meio à paisagens fantásticas!

O passeio começa pela avenida principal, que desemboca na estação. Ao longo da caminhada, o aspecto urbano – ainda que singelo – vai dando lugar a um cenário mais natural.


Se tiver fome, esbalde-se com as maçãs ou frutas-vermelhas variadas, colhidas diretamente no pé.

Mais adiante chega-se no bondinho que leva à Krimulda. A vista aérea do vale revela o que estar por vir. Paisagens ainda mais deslumbrantes e muita natureza. Saindo do bondinho, siga as placas e não esqueça o mapa da região. O ponto de partida são as ruínas do antigo castelo de Krimulda.

Dali até Turaida é uma caminhada agradável de 1 hora – talvez puxada para quem não está acostumado. Turaida significa “Jardim dos Deuses” e teve seu castelo erguido em 1214 para controlar a região pelos bispos de Riga. A construção em tijolos vermelhos possui uma torre de 42 metros de altura, que oferece uma bela vista do Vale de Gauja.


Deixando o castelo para trás, siga o curso natural das ruas até ser levado de volta à Sigulda. No caminho, a ponte sob o rio revela a curiosa tradição local dos casais apaixonados: eternizar o amor em cadeados trancado às grades da ponte.

Para finalizar, delicie-se com as guloseimas letãs no café em frente à estação. Depois de um dia de muitas caminhadas, nada como encerrar com um belo café mocha acompanhado dos quitutes locais.


Veja mais dicas de turismo na Letônia e Báltico:
E aproveite para visitar também os países vizinhos ao Báltico:

15 comentários:

Camila disse...

Fê, estou realmente pensando em fazer esse roteiro dos países bálticos nas próximas férias. A princípio eu estava pensando em incluir apenas Tallin, mas você está me fazendo mudar de idéia!

Você achou fácil se comunicar por lá? A população fala inglês ou chega aquela hora em que é preciso se virar com mímicas? rs

Beijos!

Brenda Tavares disse...

Fê sendo repetitiva: suas fotos estão lindas!
Adorei as paisagens!
Os cadeados também são tradição aqui na Italia.
Beijos Toscanos pra você!

Matheus Vieira disse...

Tudo muito lindo! Também sendo repetitivo: As fotos estão incríveis!

Orlani Junior disse...

Fê,

Acho que já falei para você que meu sonho de consumo fora do Brasil é a Turquia. Agora, não sei se o correto é usar o "é" ou "era". Fiquei impressionado com a Letônia. Mais ainda com as suas fotos!

Saudações.

Fê Costta disse...

Ei Camila,

Como vou com tudo preparado (hotel pago, transfer arranjado, passeios já definidos) acabo tendo uma necessidade maior de pedir informações no local. Hotel geralmente sempre tem alguém que fala inglês e se alguma dúvida surgir, tento esclarecer por alí mesmo. Agora, se a dúvida surgir enquanto estiver pela rua e a saída for questionar algum "nativo", ai realmente a coisa emperra em se tratando de báltico. As pessoas falam a língua local ou o russo... Assim, fica a dica da aula de russo:

"pajolsta": por favor
"spassiba": obrigado
"dobraiúltra: bom dia

rsr

Ps: inclui o restante no seu roteiro sim. Se puder, faça estocolmo, helsinki, st petersburgo, moscou, tallin, riga e vilnius. Vale muito a pena.

Beijos

Fê Costta disse...

Olá Brenda!

Nunca tinha visto esta dos cadeados! Tá vendo, preciso conhecer a Itália... rs ;)

Bjks

Fê Costta disse...

Ei Matheus, obrigada!

Meus pais teem devorado seu blog... Eles estão indo para a Jordânia e os recomendei buscar informações nos seus posts completíssimos! Ainda não conseguí postar sobre lá... rs

Sds,

Fê Costta disse...

Olá Orlani!

Meus post tem influenciado assim? Que bom!! :) A Turquia é realmente tuuuudo de bom!! Estou voltando lá esta semana, pela 3a vez! :)

Abraços,

Rubens disse...

Olá.
Estou programando uma viagem à Rússia em junho próximo e fiquei entusiasmado com seus relatos e fotos sobre os Balticos que resolvi incluí-los no meu roteiro.
Rússia farei com pacote. Mas os Balticos por minha conta, voando pela Air Baltic. Você tem alguma dica desta empresa? Paga-se pela bagagem?
E a imigração nos Balticos? Tenho lido tanta coisa ruim à respeito...
Parabéns pelo blog!
Rubens
São Paulo

Fê Costta disse...

Olá Rubens!!

Conciliar a Rússia com o Báltico será perfeito!!

É muito tranquilo viajar por lá por conta própria. Fui também de Air Baltic e foi tranquilo. Não me lembro ao certo se a bagagem despachada é cobrada à parte, de qualquer forma, dá uma conferida no site deles: www.airbaltic.com Entre os países eu viejei de ônibus, com a empresa Eurolines, ótima!!

Minha chegada foi por Riga, na Letônia, achei tranquilíssimo.

Abs,

Anônimo disse...

If you could e-mail me with a few suggestions on just how you made your blog look this excellent, I would be grateful.

Camila disse...

Fê, você fez esse passeio (e também Trakai) por conta própria? As trilhas e caminhos são bem sinalizados?

Beijos!

Fê Costta disse...

Ei Camila!

E então, decidiu ir para o Báltico nas próximas férias?

Em Sigulda, depois da estação, fomos seguindo meio sem rumo, mas por acaso passamos em lugares lindos, mas acabamos chegando ao que procurávamos. Se tivéssimos sido mais perspicazes, não teríamos demorado tanto tempo para achar os pontos turísticos.

As trilhas tb tem boa sinalização sim.

Bjos

Camila disse...

Tá decidido sim, Fê! Suécia, Finlândia, Báltico e São Petersburgo. Estou naquela fase deliciosa do planejamento. ;)

Beijos!

Fê Costta disse...

Ahhhh que delícia Camila!!!! Se precisar de alguma ajuda, é só falar. Bjks :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...